inspiracao   / Inspiração

Ventilador pulmonar com custo 17 vezes menor que o convencional é criado em universidade de Garulhos

O respirador será concebido com peças fabricadas a partir da impressão 3D; confira a matéria

REDAÇÃO BONS FLUIDOS Publicado domingo 21 junho, 2020

O respirador será concebido com peças fabricadas a partir da impressão 3D; confira a matéria
Ventilador pulmonar com custo 17 vezes menor que o convencional é criado em universidade de Garulhos - Divulgação/UNG

Segundo informações compartilhadas no site oficial da UNG (Universidade de Guarulhos), no dia 19 de junho, foi criado um protótipo de ventilador pulmonar de baixo custo, dezessete vezes mais barato do que a média de preço do produto no mercado. O projeto feito um grupo de professores e alunos da faculdade levou apenas sete dias para ser elaborado.

O produto analisado por fisioterapeutas e profissionais de enfermagem da instituição de ensino será submetido a uma comissão técnica, e seguirá em testes. A próxima etapa consiste na aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Ventiladores pulmonares estão sendo um dos utensílios mais procurados e necessários nos sistemas públicos e privados de saúde devido à pandemia do coronavírus.

Vale lembrar que o Brasil ultrapassou 1 milhão de casos confirmados da doença, e o consequente número exacerbado de mortes, que ultrapassa 50 mil.

A média de preço dos ventiladores pulmonares atinge R$ 15 mil. O aparelho da UNG tem um custo unitário de R$ 880, dezessete vezes menor que os disponíveis no mercado.

Para explicar a dinâmica do aparelho, podemos dividi-lo em três partes: um conjunto eletrônico, um mecânico e um conjunto médico, fundamentado em elementos que são usados regularmente pelos profissionais da saúde, como a máscara de respiração e tubos de traqueia. O respirador será concebido com peças fabricadas a partir da impressão 3D.

Último acesso: 07 Jul 2020 - 11:54:38 (1042934).