inspiracao   / Astronomia

Missão Lucy: nave da Nasa decola para jornada de 12 anos em direção a asteroides de Júpiter

A NASA pretende investigar a formação do nosso sistema solar à partir dos asteroides troianos de Júpiter

Bons Fluidos Publicado segunda 18 outubro, 2021

A NASA pretende investigar a formação do nosso sistema solar à partir dos asteroides troianos de Júpiter
Nasa enviou nave para missão Lucy, que durará 12 anos - Unsplash/ SpaceX

A NASA (Agência Espacial Norte Americana) lançou neste sábado, 16, a primeira missão em direção aos asteroides troianos de Júpiter com o objetivo de descobrir os fósseis do Sistema Solar. 

A viagem deve durar 12 anos e foi batizada de Lucy, o mesmo nome do fóssil de 3,2 milhões de anos de uma hominídio fêmea descoberto em 1974 na Etiópia. O mesmo ajudou a humanidade a entender a teoria da evolução. 

+++ Astronomia: cientistas da ESO descobrem galáxia similar à Via Láctea localizada a 12 bilhões de anos-luz

A missão partiu às 09:34 GMT (6h34 horário de Brasília) de Cabo Canaveral, na Flórida, nos EUA, e só deve sobrevoar a região entre Marte e Júpiter no ano de 2025 para investigar oito asteroides conhecidos como Troia. 

Acredita-se que estes asteroides têm fósseis importantes sobre a evolução do Sistema Solar e o principal objetivo da missão é entender como os astros foram formados a partir das pistas de Troia. 

+++ Chuva de meteoros e encontro de estrelas: veja como assistir aos fenômenos astronômicos de outubro

Segundo Thomas Zurbuchen, diretor da divisão científica da agência espacial dos Estados Unidos, a missão pode "oferecer uma parte da história de nosso sistema solar, de nossa história".

Último acesso: 23 Jan 2022 - 19:04:17 (1045861).