comportamento   / Fenômeno assustador

Tempestade de areia: veja como o fenômeno pode afetar o organismo

Nos últimos dias, muitas cidades do estado de São Paulo tem sofrido com as nuvens carregadas de poeiras

Jennifer de Carvalho com supervisão de Marina Pastorelli Publicado quarta 6 outubro, 2021

Nos últimos dias, muitas cidades do estado de São Paulo tem sofrido com as nuvens carregadas de poeiras
Como nuvem de areia prejudica a saúde - Reprodução/ Twitter/ @metsul

Nos últimos dias o estado de São Paulo tem enfrentado um fenômeno que vem se tornando mais frequente em nossa realidade: uma tempestade de areia. Muitas imagens percorreram as redes sociais com nuvens completamente empoeiradas que são espalhadas com o vento. 

No dia 03 de outubro esse caso foi registrado nas cidades de Catanduva, Novais, Santa Adélia e Olímpia. Com o transtorno provocado pela tempestade, muitos moradores estão enfrentando situações complicadas, e a saúde não fica de fora dessa, em que a alergista e imunologista Dra. Brianna Nicolletti diz que a “grande carga de poeira, poluentes e até microorganismo são inalados de uma vez só”. Isso porque as partículas dessas nuvens são facilmente respiráveis, como comenta a alergista, pois “as partículas de poeira, no geral, apresentam um tamanho entre 2,5 e 10 mícrons”.

Clique aqui pata ler a matéria completa no site da Revista Viva Saúde, parceira da Bons Fluidos.

Último acesso: 29 Nov 2021 - 18:35:45 (1045814).