Grupo de orcas cerca barcos de pescadores no litoral da Bahia e vídeo impressiona internautas; confira imagens

Os homens que gravaram o vídeo amador surgiram comemorando a chegada dos animais no registro

REDAÇÃO BONS FLUIDOS Publicado quinta 17 setembro, 2020

Os homens que gravaram o vídeo amador surgiram comemorando a chegada dos animais no registro
Grupo de orcas cerca barcos de pescadores no litoral da Bahia e vídeo impressiona internautas; confira imagens - YouTube / Canal Carlos Geovane

Neste último final de semana, mais especificamente do domingo, 13 de setembro, dois pescadores foram surpreendidos durante o trabalho quando um grupo de orcas, animais membros da família dos golfinhos, cercou o barco em que os homens estavam pescando.

O evento impressionante ocorreu próximo à praia de Itacimirim, localizada na cidade de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, Bahia.

+ VEJA: Incrível! Durante passeio na praia, família encontra crustáceos avaliados em R$ 345 mil; confira imagens

"Olha o tamanho desse negócio, meu irmão", relatou um dos trabalhadores que estavam na embarcação em vídeo compartilhado diretamente no YouTube ao apontar para o animal que nadava paralelamente ao barbo.

Geovani da Silva, um dos pescadores, contou em entrevista à TV Bahia que estava acompanhando de seu filho, Carlos Geovani, durante o trabalho. Ele ainda falou que desde o início da pescaria estranhou a ausência de baleias jubarte, animais comuns na região.

E você? Ficaria assustado ao se deparar com as orcas? De início, não foi isso que aconteceu com pai e filho. Em vídeo, podemos ver o entusiasmo dos dois, que estavam aos gritos e risadas, ao se depararem com as gigantes. Inicialmente, eles afirmaram que elas pareceram se acostumar com a embarcação.

+ VEJA: Adote um CV: cães e gatos têm currículos divulgados no LinkedIn para incentivar adoção

"Ela arrancou o pedaço de isopor que estava apoiado aqui, no fundo do barco, amarrado", relatou, logo em seguida. Ao anoitecer, perceberam que as orcas passaram a bater com mais frequência no barco, por isso, decidiram voltar para a praia, em terra firme.

"A gente não sabia como elas iam se comportar de noite, o que elas queriam com a gente", declarou Geovani à emissora de TV.

Confira o vídeo:

*Indicamos que assistam a partir da minutagem 1:06. Antes disso, palavras de baixo calão foram pronunciadas.

 

Último acesso: 25 Nov 2020 - 08:31:39 (1043450).