Estudo feito por cientistas japoneses revela quanto tempo coronavírus sobrevive na pele humana

Ao final do estudo, os pesquisadores também comprovaram que o vírus é inativado em 15 segundos assim que entraram em contato com o desinfetante contendo álcool a 80%

REDAÇÃO BONS FLUIDOS Publicado terça 13 outubro, 2020

Ao final do estudo, os pesquisadores também comprovaram que o vírus é inativado em 15 segundos assim que entraram em contato com o desinfetante contendo álcool a 80%
Estudo feito por cientistas japoneses revela quanto tempo coronavírus sobrevive na pele humana - Foto de Branimir Balogovic no Pexels

Uma das primeiras preocupações da população frente à Covid-19 foi quanto tempo o vírus sobrevive em diferentes superfícies. Até onde sabemos, ele é capaz de permanecer ativo até 72 horas em plásticos e aços inoxidáveis, 24 horas no papelão, 4 horas no cobre, 96 horas em tecidos, entre outros. Porém, por quanto tempo o coronavírus sobrevive na pele humana?

+ VEJA: Entenda o que são as doenças crônicas não-transmissíveis, principal causa de mortes precoces no país

Os responsáveis por desvendar esse questionamento foram pesquisadores japoneses. Segundo informações do portal Catraca Livre, para o estudo em questão, os cientistas utilizaram duas amostras diferentes, sendo uma do vírus causador da Covid-19, e outro da influenza, ou simplesmente gripe. Em seguida, estas amostragens foram misturadas com amostras de pele humana retiradas em exames de autópsia de voluntários saudáveis 24 horas antes da análise final.

Os japoneses descobriram que, enquanto o vírus da influenza durou pouco menos que duras horas na pele de uma pessoa, o SARS-CoV-2, vírus da Covid, chegou a sobreviver por até nove horas na mesma superfície.

+ VEJA: Johnson & Johnson pausa testes de vacina da Covid-19 após paciente apresentar 'doença inexplicada'

No artigo publicado no dia 3 de outubro na revista online Clinical Infectious Diseases, os autores da pesquisa alegaram: “Este estudo mostra que o SARS-CoV-2 pode ter um risco maior de transmissão por contato [ou seja, transmissão por contato direto] do que o IAV (influenza A vírus), porque o primeiro é muito mais estável na pele humana”.

Nós da Bons Fluidos, inclusive, mostramos para vocês quanto tempo o coronavírus sobrevive em alimentos congelados, de acordo com estudo feito por cientistas da Universidade de Singapura. Para conferir, basta CLICAR AQUI.

Vale lembrar também que ambos os vírus foram inativados em 15 segundos assim que entraram em contato com o desinfetante contendo álcool a 80%.

Último acesso: 25 Nov 2020 - 08:22:36 (1043604).