comportamento   / Meio Ambiente

'Buda seria defensor do meio ambiente hoje, se voltasse a esse mundo', declara Dalai Lama

O líder religioso apelou para ações de controle a destruição do meio ambiente

Bons Fluidos Publicado quinta 19 novembro, 2020

O líder religioso apelou para ações de controle a destruição do meio ambiente
Dalai Lama elogiou ações de controle a destruição ambiental - Instagram/ @dalailama

Dalai Lama defendeu a necessidade de ações urgentes de preservação ao meio ambiente e disse que Buda seria um ativista das causas ambientais se voltasse a este mundo. 

O líder espiritual, que possui mais de 500 milhões de seguidores pelo mundo, falou em seu livro que a figura mais importante do budismo "seria verde" se regressasse a vida e elogiou os ativistas climáticos, como Greta Thunberg, que reivindicam por ações de controle a destruição ambiental. 

+ VEJA TAMBÉM: 15 frases inspiradoras de Dalai Lama que te farão refletir sobre a vida

Em uma coletiva para os jornais Channel 4 News e do The Guardian, Dalai Lama defendeu que o “aquecimento global pode atingir um ponto em que os rios vão secar” e o “Tibete, eventualmente, vai tornar-se como o Afeganistão”, que sofre com a escassez de água. 

“As grandes nações devem prestar mais atenção à ecologia. Espero ver estas grandes nações, que gastam muito dinheiro em armas ou em guerras, canalizarem os seus recursos para a preservação do clima”, disse ele. 

+ VEJA TAMBÉM: Ao completar 85 anos, Dalai Lama faz pedido de oração especial aos seguidores budistas

Dalai Lama é um dos líderes religiosos e políticos mais respeitados do budismo e seu trabalho incansável por décadas como buscador da paz no Tibete tornou o líder uma das figuras mais inspiradores e amadas das últimas décadas. 


 

Último acesso: 25 Nov 2020 - 05:08:05 (1043831).