Após coronavírus, é descoberto na China novo vírus da gripe com 'potencial pandêmico'

Um novo estudo identificou que o vírus tem os porcos como hospedeiros, mas podem infectar humanos

Redação Bons Fluidos Publicado terça 30 junho, 2020

Um novo estudo identificou que o vírus tem os porcos como hospedeiros, mas podem infectar humanos
Vírus gripal com 'potencial pandêmico' é descoberto na China - Freepik

De acordo com um novo estudo realizado na China, uma nova cepa do vírus influenza, que causa a gripe, com potencial pandêmico, foi identificada no país. A linhagem, apesar de ter os porcos como hospedeiros, pode infectar pessoas, segundo os autores da pesquisa, que já descobriram evidências de infecção recente em pessoas que trabalhavam em matadouros e na indústria suína na China.

Pouco tempo depois do coronavírus amendrontar o Globo Terrestre com todo seu potencial, os cientistas alegaram que esta se trata de uma cepa com "todas as características" que a tornam altamente propícias a sofrerem mutação e, por isso, precisam acompanhar de perto -- a partir do momento em que ela se tornar ainda mais adaptável para infectar facilmente os humanos, ela pode desencadear um novo surto global.

Como se trata de uma nova linhagem do vírus, é capaz que as pessoas tenham baixíssima ou nenhuma imunidade a ela.

Vale lembrar que o último surto de gripe que o mundo enfrentou foi o da gripe suína, em 2009, que começou no México. Ela foi muito menos letal do que estudiosos previam, porque, de alguma forma, as pessoas mais velhas tinham alguma imunidade a ela, provavelmente por conta da semelhança com o vírus que circulava antes.

Em entrevista à BBC, Kin-Chow Chang, que trabalha na Universidade de Nottingham, no Reino Unido, disse: "No momento estamos distraídos com o coronavírus e com razão. Mas não devemos perder de vista novos vírus potencialmente perigosos".

Ele também pontuou que, embora não seja uma preocupação imediata, "não devemos ignorá-lo".

Por enquanto, a notícia é que as vacinas tradicionais da gripe não protegem contra essa nova possível mutação, mas que podem ser adaptadas, caso seja necessário.

Último acesso: 07 Jul 2020 - 12:37:50 (1042982).