comportamento   / Saúde na pandemia

Apesar de rara, reinfecção por Covid é mais comum em idosos, aponta estudo da 'Lancet'

Enquanto os mais jovens (de zero a 64 anos) apresentaram uma taxa de proteção de cerca de 80% para novas infecções, em pacientes com 65 anos ou mais, essa proteção despencou para 47%

Viva Saúde Publicado sexta 19 março, 2021

Enquanto os mais jovens (de zero a 64 anos) apresentaram uma taxa de proteção de cerca de 80% para novas infecções, em pacientes com 65 anos ou mais, essa proteção despencou para 47%
Idosos estão mais suscetíveis a reinfecção pela covid-19 - Freepik

A maior parte dos pacientes que se recuperaram da Covid-19 desenvolveu algum tipo de imunidade contra o coronavírus, no entanto, os idosos foram os mais propensos a uma reinfecção, segundo estudo publicado na última quarta-feira, dia 17, pela revista científica "The Lancet".

Pesquisadores do Statens Serum Institut, de Copenhague, acompanharam mais de quatro milhões pessoas na Dinamarca por cerca de um ano. Todos eles, com suspeita de Covid-19, foram submetidos a testes do tipo RT-PCR para o diagnóstico da doença.

Clique aqui para ler a matéria completa no site da Revista Viva Saúde, parceira da Bons Fluidos.

Último acesso: 06 May 2021 - 04:20:47 (1044581).