Testeira
  coluna-jamar-tejada   / É preciso mais que isso!

DETOX: a prática constante de cuidados que vai além do suco verde

Na coluna desta semana, o farmacêutico naturopata Jamar Tejada desmistifica a ideia de que um suco verde é o único item necessário para o Detox do corpo

JAMAR TEJADA Publicado quarta 25 novembro, 2020

Na coluna desta semana, o farmacêutico naturopata Jamar Tejada desmistifica a ideia de que um suco verde é o único item necessário para o Detox do corpo
Para o Detox do corpo é preciso muito mais do que, apenas, o suco verde - Freepik

Quando se pensa em detox, já vem à cabeça a imagem do suco verde, como se a única possibilidade de desintoxicar seu organismo fosse exclusivamente através desse famoso e sagrado suco -- o que está longe de ser uma verdade.

Engraçado é saber que tem muita gente fazendo uso desses sucos, ainda mais nesse período de final de ano e praias que vem chegando, com o objetivo de emagrecimento! Sinto lhes informar que o suco detox não é milagroso!

Também não estou dizendo que não faça bem... Encare como uma bebida saudável, rica em fibras, que vai te dar aquela mão na hora de eliminar as toxinas!

Acreditem, eu já ouvi criaturas que falaram que não tomam suco detox só porque não são usuárias de drogas! Infelizmente, há quem pense dessa forma. Mal essas pessoas sabem que a intoxicação pode ocorrer por vários meios. Somos a todo momento expostos a ela, sendo a mais comum quando feita pela sua própria boca! 

Pela boca, através de um alimento que ingerimos que contêm toxinas ou então através de um alimento que comemos durante a metabolização pelo fígado, que pode ser transformado em uma toxina! Pelo ar, através da poluição, ou mesmo a inalação de benzeno por pessoas que morem próximas à fábricas de solventes; e/ou pela pele, através de cosméticos que contenham metais pesados, como alguns desodorantes que possuem alumínio em sua formulação, ou cosméticos que possuem conservantes químicos e que acabam se depositando em nosso organismo. 

+++ Probióticos podem combater do mau hálito ao câncer

Agrotóxicos, plásticos, fumaça, metais pesados, medicamentos, corantes, álcool e até panelas de alumínio e antiaderentes fazem parte de nossa nada saudável vida moderna e nosso organismo vive nessa faxina diária. O problema está no longo prazo! A exposição a essas toxinas, mesmo em pequenas quantidades, está associada a diversas doenças e problemas de saúde, como disfunções do sistema endócrino e reprodutivo, doenças autoimunes e distúrbios comportamentais.

Imagine, então, todas essas toxinas agindo num organismo que não é mais assim tão jovem, que não tem mais essa capacidade de limpeza turbo. Não adianta, você tem que se ajudar!

+++ Da mesma forma que fazemos dieta alimentar, devemos fazer uma 'dieta de más notícias'

VOCÊ PRECISA SE AJUDAR!

Bom, naturalmente nosso corpo já consegue fazer uma seleção do que presta e o que não, o que deverá ser expurgado... Um dos principais objetivos da detoxificação é transformar as substâncias lipossolúveis (aquelas que são feitas de gordura, mais difíceis de serem eliminadas) em hidrossolúveis (líquidas, mais fáceis de serem expurgadas), permitindo, assim, a sua eliminação por meio da urina, fezes, da bile e também pelo suor. Esse processo ocorre em diversos órgãos, mas principalmente no fígado e no intestino!

Mas entenda que a detoxificação é um processo exclusivo do fígado, ele que reconhece algo potencialmente tóxico no corpo -- aliás tudo passa por ele, até o cremezinho hidratante que você passou nos pés acaba passando por sua avaliação. Esse processo de detoxificação hepática reconhece a substância e, por meio de uma sequência de reações bioquímicas complexas que acontecem dentro das células do órgão, modifica a estrutura química da toxina.

A essa altura, já deve ter caído a ficha de que a água é fundamental para a limpeza, aliás existe faxina sem água e sabão?

Costumo ver muitas criaturas se enchendo de cápsulas detox, mas não ingerindo água, que é o básico! Se a água faz a sujeira descer pelos canos, enzimas que vão ajudar o fígado a trabalhar a favor do organismo como aminoácidos, vitaminas do complexo B, tocoferol, ácido ascórbico, ferro, cálcio, vitamina A, magnésio, selênio, cobre, zinco, colina e outros compostos fitoquímicos, como os presentes na couve, alcachofra, boldo, chá verde, salsinha, cúrcuma, alecrim, dente-de -leão, cavalinha, guaraná, são o sabão!

+++ Vida equilibrada através do intestino! Faça deste órgão, seu aliado na luta contra os problemas da vida

Também não estou dizendo que são só esses que detoxificam ok, criatura? Esses são alguns e só ajudam nesse processo de detoxificação se forem utilizados nas dosagens certas e com moderação. Todo excesso, mesmo que com produtos naturais podem desbalancear a curva!

DO QUE O NOSSO ORGANISMO PRECISA?

Um dos principais nutrientes necessários para nosso trabalhador fígado é o aminoácido chamado cisteína, encontrada em alguns alimentos como alho, cebola, rúcula, agrião, espinafre, couve, brócolis e cogumelos comestíveis.

Agora se você é um desses que como eu não vive sem um suquinho, fique sabendo que as frutas, em geral, contêm ação desintoxicante bem potente, principalmente aqueles sucos com frutas vermelhas, como mirtilo, romã, açaí, amora e framboesa.

Essas contêm alto teor de polifenóis, dentre eles, o ácido elágico, um potente antioxidante que previne o envelhecimento das células e a formação dos temíveis radicais livres, que em excesso são os grandes vilões nesse processo de intoxicação. Portanto não esqueça de adicionar um verdinho pra dar aquele booster detox: a couve, agrião, brócolis e salsão são bem-vindos nos sucos. Sem falar no poder das fibras com suas propriedades prebióticas, que são mais do que importantes para a saúde da nossa microbiota.

Se o fígado é o encanador, a nossa flora intestinal é o eletricista, que dá a energia e metaboliza todos esses nutrientes recebidos no nosso organismo. Aliás, microbiota e detoxificação é matéria para outra coluna! Esses vegetais contêm compostos enxofrados com alta capacidade antioxidante e um potencial anti-carcinogênico - e quando se fala em capacidade antioxidante, traduza para capacidade anti formação tumoral, ok? 

A ideia não é livrar totalmente nosso corpo de toxinas, isso é uma tarefa quase impossível, mas reduzir a exposição a produtos químicos e tóxicos para fornecer mais nutrientes a todos os sistemas. Em corpo que entra bons nutrientes, não há espaço para os maus nutrientes!

Imagine só, seu fígado leva cerca de 120 dias para completar a detoxificação de metais pesados e tóxicos, como chumbo, mercúrio ou alumínio. Se essa excreção não for feita nesse período, os metais passam a morar dentro das células, seja do próprio fígado ou dos ossos e, em médio prazo, pode desencadear doenças degenerativas, além do câncer, como citei anteriormente. 

Não vai ser um suco que vai nos livrar de todas toxinas que cercam nossa vida, mas ele pode ser um plus nessa batalha diária por um organismo mais limpo! Detoxificação não é uma prática mensal, é uma prática diária e constante, que não começa pelo fígado, começa por aquilo que você mesmo coloca pra dentro e também do que sai pra fora da sua boca! Mais do que os alimentos, pensamentos e posturas negativas de vida podem ser muito tóxicas, para seu ambiente externo e interno!

Beba mais água, alimente-se bem e pratique o bem. A sua saúde não vem e começa pelo próximo, mas sim de você! 

Jamar Tejada


Todas as quartas-feiras temos conteúdos exclusivos sobre métodos naturais para cuidarmos da saúde e do corpo... Daquele jeito que nós amamos!

Instagram: @Tejard

Contato: (11) 3063-1333

ACESSEM OUTROS TEXTOS QUE JÁ FORAM AO AR:

+++ Camomila - muito mais que uma simples flor; seus benefícios para o organismo são inúmeros

+++ Pessoas negativas e o impacto na sua saúde mental, espiritual e física

 

Último acesso: 16 Apr 2021 - 12:08:08 (1043863).