bem-estar   / Métodos alternativos de cura

Estudo indica que ouvir esta música com frequência reduz em até 65% os sintomas da ansiedade; ouça

Os cientistas da instituição britânica Mindlab International foram os responsáveis pela pesquisa

REDAÇÃO BONS FLUIDOS Publicado quarta 13 janeiro, 2021

Os cientistas da instituição britânica Mindlab International foram os responsáveis pela pesquisa
Estudo indica que ouvir música com frequência reduz em até 65% os sintomas da ansiedade - Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

"A música é o vínculo que une a vida do espírito à vida dos sentidos. A melodia é a vida sensível da poesia.", já dizia o grande compositor alemão Ludwig van Beethoven.

A música, dentre seus vários estilos, é uma ferramenta poderosa, visivel e sensorialmente capaz de alterar nosso humor de acordo com o ritmo e letra que a compõem.

+ VEJA: Geriatra dá dicas para idosos driblarem a desidratação durante a estação mais quente do ano

Cientificamente falando, pesquisadores do Mindlab International, instituição britânica, concluíram a partir de um estudo feito com voluntários expostos à música “Weightless”, do grupo Marconi Union, que a mesma foi capaz de reduzir em até 65% os efeitos da ansiedade nos cobaias.

Não é atoa que o clipe desta obra do trio conte com aproximadamente 59 milhões de visualizações na plataforma online YouTube. Isso porquê “Weightless” foi produzida especialmente com a ajuda de terapeutas de som, responsáveis por proporcionar uma sensação de relaxamento do corpo e mente.

Mas, como esta música atua no organismo humano? De acordo com os especialistas, as harmonias e ritmos desta música ajudam a desacelerar a frequência cardíaca de quem a escuta, além de reduzir a pressão arterial e os níveis do hormônio do cortisol.

+ VEJA: Cochilar depois do almoço faz bem para a saúde? Especialista responde

A pesquisa se deu através de montagens de quebra-cabeças. Os diversos participantes que tentavam resolver o jogo foram expostos a diferentes tipos de música. Enquanto isso, os pesquisadores se ocuparam em medir a atividade cerebral, além de frequência cardíaca, pressão arterial e frequência respiratória, de cada um dos voluntários, que estavam sob pressão

Até agora, "Weightless" foi a música que mais surtiu efeitos anti-ansiedade, firmou Dr. David Lewis-Hodgson, da Mindlab International.

Último acesso: 24 Jul 2021 - 04:38:55 (1044165).