bem-estar   / CÚTIS E CUIDADOS

Acne após os 30 anos: dermatologista Luiza Lopes dá dicas de como combater e tratar o problema

Embora a acne seja um problema típico da adolescência, ela também pode acometer a pele adulta

Viva Saúde Publicado segunda 8 março, 2021

Embora a acne seja um problema típico da adolescência, ela também pode acometer a pele adulta
Acne após os 30 anos: dermatologista Luiza Lopes dá dicas de como combater e tratar o problema - Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

A acne é uma dermatose causada pelo aumento da produção de secreção pela glândula sebácea e também em virtude da obstrução dos poros e da proliferação de bactérias, que provocam o surgimento de espinhas e cravos, sabia?

E, conforme o grau das lesões, além de cicatrizes, ela pode causar manchas!

Cerca de 50% das mulheres adultas entre vinte e um a trinta anos têm o problema e, dos trinta e um a quarenta anos, uma em cada quatro pessoas do gênero sofre com a acne, segundo um estudo divulgado pelo Journal of Women’s Health.

“Na mulher adulta, a acne é encontrada, geralmente, na parte inferior do rosto, conhecida como zona U, que fica entre o pescoço, queixo e mandíbula. As espinhas costumam ter a aparência inflamada e podem causar dor e manchas vermelhas”, explicou a dermatologista Luiza Lopes.

Quer saber mais? Clique aqui e leia a matéria completa no site da revista Viva Saúde, parceira da Bons Fluidos.

Último acesso: 02 Dec 2021 - 00:45:40 (1044508).